1 minute reading time (227 words)

Operação Raptor combate o aliciamento de motoristas de carga

Com o objetivo de combater o crime de furto de carga mediante o aliciamento de motoristas, a Polícia Civil (PC) deflagrou, na manhã desta quarta-feira (16), a Operação Raptor. Foram cumpridos 13 mandados de busca e apreensão em Esteio, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Porto Alegre. Durante as buscas, três pessoas foram presas em flagrante por posse irregular de arma de fogo e munição.

Segundo o diretor de Investigações do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), delegado Sander Cajal, as investigações começaram após dois supostos roubos de carga, em agosto e setembro do ano passado. “Diante dos relatos feitos e indícios colhidos, desconfiou-se que se tratavam, na verdade, de furto, cometido por meio de aliciamento de motorista para a entrega da carga e falso relato à Polícia Judiciária”, explicou o delegado.

Para o delegado Alexandre Fleck, da Delegacia de Repressão ao Roubo e Furto de Cargas (DRFC/Deic), alguns criminosos optam por esse tipo de crime, por envolver riscos menores que o roubo e por ter punição menos severa no Código Penal.

Nas diligências desta manhã, foram apreendidos uma espingarda calibre .20, sete munições calibre .20, seis munições calibre .28, duas munições calibre .380, sete aparelhos de telefone celular, nove pacotes de cigarros de origem estrangeira, 40 pacotes de papel de seda para cigarro de origem estrangeira e 13 garrafas térmicas com suspeita de origem ilícita.

Texto: Ascom PC
Edição: Sílvia Lago/Secom

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

Lei de Diretrizes Orçamentárias 2019 é entregue à ...
Brigada Militar deflagra Operação Avante Cavalo de...
© 2017 BasFas Marketing