Redação

Governador participa de lançamento do Relatório Social 2019 da Agert

O governador Eduardo Leite participou, na manhã desta quarta-feira (14/8), do lançamento do Relatório Social 2019 da Associação Gaúcha de Emissoras de Rádio e Televisão (Agert). Lançado anualmente, o relatório foi apresentado pela vice-presidente Myrna Proença, com a presença do presidente Roberto Cervo Melão, do vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, e da secretária de Comunicação, Tânia Moreira.

O tema do relatório deste ano é a proliferação de notícias falsas e o impacto que causam na comunicação. “As notícias falsas já destruíram reputações, influenciaram eleições, proporcionaram vantagens comerciais, fizeram despertar o interesse por aquilo que normalmente não receberia atenção e condenaram ao abandono iniciativas que poderiam ter sido relevantes e construtivas”, afirma a vice-presidente, no documento.

O governador Eduardo Leite reconheceu como fundamental o tema escolhido pela associação. “A desinformação causa um impacto na sociedade que se reflete na tomada de decisões de governos e dos próprios cidadãos. Isso se expressa não só no voto, mas na formação de consciência e de opinião sobre diversos assuntos. É nosso papel acompanhar, monitorar e nos adaptar a isso para que a informação de qualidade chegue ao cidadão”, explicou.

Neste ano, foram doados R$ 180 milhões por 229 mídias participantes para a veiculação de ações de cunho social – campanhas de vacinação, doação de agasalhos, doação de sangue, combate à violência doméstica e feminicídio, combate à violência no trânsito e combate às drogas. A Agert abrange 314 emissoras nas nove regiões do Estado.

Texto: Suzy Scarton
Edição: Patrícia Specht/Secom

  7 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

7 Acessos

Secretaria da Saúde abre discussão sobre nova política pública de transplantes de órgãos

A secretária da Saúde, Arita Bergmann, e o diretor do Departamento de Regulação Estadual, Eduardo Elsade, receberam, nesta terça-feira (13/8), deputados da Frente Parlamentar de Estímulo a Doação de Órgãos e a direção da organização Viavida, que promove a doação de órgãos e tecidos no Rio Grande do Sul.

Os gestores estaduais ouviram as sugestões para melhorar os índices de transplantes realizados no Estado e enfrentar os desafios. “Estamos hoje em sexto lugar entre os Estados brasileiros em doações de órgãos, já fomos o primeiro. Queremos trabalhar com a secretaria da Saúde para voltarmos a ser referência”, explicou a vice-presidente da Viavida, Noemia Saltz.

A secretária Arita disse que a área de transplantes de órgãos e tecidos precisa dar um salto de qualidade no RS e que, para isso, irá reformular a política estadual referente ao assunto, ouvindo especialistas e população e conhecendo a experiência de outros Estados, como Santa Catarina e Paraná.

Eduardo Elsade ressaltou que o Rio Grande do Sul tem tradição, bons profissionais e expertise. “A desorganização da rede hospitalar é um dos motivos que derrubou o número de transplantes no nosso Estado. Uma boa gestão da saúde é fundamental neste processo”, explicou o diretor.

Entre as medidas levantadas estão capacitação de profissionais médicos para o diagnóstico de morte cerebral, eventos de fomento à discussão do assunto entre gestores, políticos e sociedade, elaboração de metas contratuais entre Estado e hospitais de referência em transplantes, criação de um órgão consultivo com participação de entidades, elaboração de leis que reduzam a burocracia e o tempo de espera das famílias doadoras, formas de fiscalização dessas leis e outras.

Estiveram presentes na reunião os deputados estaduais Fábio Branco e Franciane Bayer e a presidente da Viavida, Maria Lucia Elbern.

Texto: Marília Pereira Bissigo/Ascom SES
Edição: Secom

  8 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

8 Acessos

Uergs abre processo seletivo para contratação de professores

Uergs abre processo seletivo para contratação de professores - Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Início do conteúdo
Inicial Imprensa Últimas Notícias Uergs abre processo seletivo Uergs logomarca1 - - Foto: Reprodução

A Uergs abriu um processo seletivo para contratação de professores substitutos das áreas de Engenharia Elétrica, Biotecnologia e Administração, Economia ou Finanças. São duas vagas para as unidades em Guaíba e Porto Alegre, além de cadastro reserva para a unidade em Bento Gonçalves. Serão contratados professores com mestrado, para um regime de trabalho de 40 horas semanais.

Os contratos serão temporários, para a substituição de docentes que estão em licença, aposentados ou que pediram demissão. O prazo se encerra no dia 25 de setembro.

O edital com as informações sobre o processo seletivo e a distribuição das vagas está disponível no site da Uergs

Texto: Ascom Uergs
Edição: Secom 

Palácio Piratini

Praça Marechal Deodoro, s/n
Porto Alegre - RS -

mapa


Centro Histórico
Fone: (51) 3210.4100

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

  12 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

12 Acessos

Projeto propõe centralização do processamento de precatórios e RPVs no Tesouro do Estado

O governo do Estado protocolou o Projeto de Lei 377/2019, na sexta-feira (9/8), buscando sanar diversos problemas de natureza operacional e de gestão referentes ao processamento administrativo dos pagamentos dos precatórios e Requisições de Pequeno Valor (RPVs). 

No caso dos precatórios, apesar de os recursos serem providos pelo Tesouro do Estado, atualmente o processamento, empenho e liquidação ocorrem de forma descentralizada pelas diferentes entidades.

Com as RPVs, o processamento das despesas e os pagamentos também ocorrem de forma descentralizada, porém, demandam aportes específicos do Tesouro.
O processamento dessas despesas obedece a um conjunto extenso de regras específicas, tornando a tarefa complexa e de difícil execução.

Nesse sentido, a centralização orçamentária e administrativa na Secretaria da Fazenda, por meio do Tesouro do Estado, tornará o processo mais ágil, padronizado e eficiente para toda a administração pública, além de facilitar o trâmite de informações entre as instituições envolvidas (Poder Judiciário, Procuradoria-Geral do Estado e Secretaria da Fazenda) e os requerentes.

Para o chefe da Seção de Precatório e Requisições de Pequeno Valor (Sepre) do Tesouro do RS, Marcos Antonio Bosio, a adoção da medida vai “criar interface única do Estado tanto com as demais instituições como com os requerentes, permitindo a padronização de procedimentos, mais agilidade, melhor controle e eficiência no trâmite dos processos.”

Para que o processamento de precatórios e RPVs passe a ocorrer de forma centralizada, além da aprovação do respectivo Projeto de Lei pelo Poder Legislativo, será necessária a edição de portaria específica pela Secretaria da Fazenda, estabelecendo detalhadamente a nova forma de trabalho, além da conclusão do desenvolvimento de novas interfaces entre os sistemas informatizados do Estado e do Poder Judiciário, que já estão sendo trabalhadas conjuntamente.

Desde março passado, o Estado está oferecendo total transparência no trâmite e pagando em dia as RPVs da Administração Direta. Com a implementação do processamento centralizado, as RPVs emitidas contra entidades da administração indireta, passarão a receber o mesmo tratamento.

Precatório: é a formalização de uma requisição de pagamento de determinada quantia devida pela Fazenda Pública Estadual em face de uma decisão judicial. A grande maioria dos precatórios decorre de ações propostas por servidores públicos, visando o pagamento de diferenças de vencimentos ou proventos, pensões, correção de vale-refeição, entre outros. Também há casos de precatórios decorrentes de ações de desapropriação e ressarcimento de danos morais e/ou materiais.

Requisição de Pequeno Valor (RPV): é a requisição de pagamento de determinada quantia devida pela Fazenda Pública Estadual em face de uma decisão judicial. É considerada de pequeno valor a requisição de até 10 salários mínimos para os processos que transitarem em julgado a partir da sua publicação em 17/11/2015. Para as RPVs cujos processos transitaram em julgado antes da vigência dessa lei, o limite é de 40 salários mínimos. Da mesma forma que os precatórios, a grande maioria das RPVs decorre de ações propostas por servidores públicos, visando o pagamento de diferenças de vencimentos ou proventos, pensões, correção de vale-refeição, entre outros.

Texto: Ascom Sefaz/Tesouro do Estado
Edição: Secom

  12 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

12 Acessos

Fashion Black reúne nomes da moda afro-brasileira para debates, oficinas e desfile na Casa de Cultura

Entre os dias 15 e 17 de agosto ocorre na Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ) mais uma edição do Fashion Black. O objetivo é fomentar e, ao mesmo tempo, dar visibilidade ao mercado de moda afro-brasileira, discutindo formas de atuação, sustentabilidade e o fortalecimento das marcas. O evento reúne especialistas na área para dois dias de workshops e debates. No terceiro e último dia, um grande desfile encerra o projeto. Todas as atividades são gratuitas.

O encontro contará com quatro workshops e duas mesas redondas, que acontecem na quinta-feira (15/8) e sexta-feira (16/8). As oficinas envolvem temas como finanças, conteúdo, relação com a novas mídias e equipamentos digitais. As inscrições são realizadas pela internet, pelos links inseridos abaixo, junto à programação.

Os debates acontecem às 19h de quinta e sexta (15/8 e 16/8), no auditório Luiz Cosme. O primeiro dia terá como tema “Resistências plurais: ações coletivas como estratégias de mercado”; na sexta o assunto será “Singularidades: projetos autorais no mercado de moda”. A entrada é aberta ao público, sem necessidade de inscrição prévia.

O desfile de sábado reúne estilistas de moda afro-brasileira para uma apresentação do que as marcas estão trabalhando atualmente. A atividade é realizada por meio de uma parceria da CCMQ com a Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), com apoio do Programa RS Criativo e do Museu de Arte Contemporânea do RS (MAC).

ATIVIDADES

QUINTA-FEIRA (15/8)

Workshops / Sala Sapato Florido
10h: “Finanças na Moda” – com Dina Prates (RS)
Inscrições no link
15h: “Tornar-se Digital Influencer” – com Lydia Goes (RS)
Inscrições no link

Bate-papo / Auditório Luiz Cosme
19h: “Resistências plurais: ações coletivas como estratégias de mercado” – com Fernanda Gonçalves, da AfroCriadoras (RJ); Cau Brasil e Carol Damazio, da Black Model (RS); e Tiago Santana da Afrotometria (SP)

SEXTA-FEIRA (16/8)

Workshops / Sala Sapato Florido
9h30 – “Eu existo? Produção de conteúdo na moda” – com Deivison Campos (RS), realizada com a equipe da Agência Experimental de Comunicação da Ulbra (Agex/Ulbra)
Inscrições no link
15h – “Produção de imagem com smartphone para o mercado de moda autoral” – com Tiago Santana (SP) 
Inscrições no link

Bate-papo / Auditório Luiz Cosme
19h: “Singularidades: projetos autorais no mercado de moda” – com Renato Carneiro (BA) e Mariana Ferreira (RS)

SÁBADO (17/8)
19h: desfile de encerramento – Galeria Augusto Meyer

Texto: André Furtado/Ascom CCMQ
Edição: Secom

  8 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

8 Acessos

Conhecidos os campeões da superfinal entre Jergs x Cergs nas modalidades futsal, basquete e handebol

As sete superfinais entre as equipes campeãs do Campeonato Estudantil do Rio Grande do Sul (Cergs) e dos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul (Jergs) nas modalidades futsal, basquete e handebol (feminino e masculino nas categorias juvenil e infantil) ocorreram em Novo Hamburgo. Os alunos classificados participarão da etapa regional sul que ocorrerá em Cascavel (PR), de 2 a 6 de setembro. Os campeões e vice-campeões de cada categoria da etapa regional serão os representantes gaúchos para os Jogos Escolares da Juventude, competição organizada pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que ocorrerá em Blumenau (SC) entre 16 e 30 de novembro

Veja as escolas campeãs:

– Futsal feminino infantil: Colégio GuSch (São Leopoldo)

– Futsal feminino juvenil: Instituto Estadual de Educação Cristóvão Mendoza (Caxias do Sul)

– Futsal masculino infantil: Colégio Franciscano Sant`Anna (Santa Maria)

– Basquete feminino juvenil: Colégio Mauá (Santa Cruz do Sul)

– Handebol masculino infantil: Escola Estadual de Ensino Médio Luiz Moschetti (Capão da Canoa)

– Handebol feminino infantil: Colégio São Domingos (Torres)

– Handebol masculino juvenil: Colégio La Salle Carmo (Caxias do Sul)

O secretário do Esporte e Lazer, João Derly, destacou a importância dos jogos escolares. “Essa experiência é inesquecível para as crianças e os adolescentes, pois a prática esportiva é benéfica para a vida.Todos participantes já são campeões, por isso desejo muito boa sorte e novas façanhas para os alunos classificados e espero que os demais continuem praticando e competindo”, afirmou.

Organizado pela Secretaria do Esporte e Lazer, o Cergs é direcionado para as escolas da rede privada gaúcha. É dividido entre 12 modalidades esportivas, masculinas e femininas. Nas modalidades coletivas estão o basquete, futsal, handebol e vôlei. Nas individuais, o atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, tênis de mesa e xadrez.

Os Jergs são promovidos pela Secretaria da Educação (Seduc), organizados e supervisionados pela Assessoria de Esporte Educacional do Departamento Pedagógico e executados pelas Coordenadorias Regionais de Educação (CRE), em parceria com prefeituras e a comunidade escolar gaúcha. São modalidades do Jergs o atletismo, basquetebol, futsal, handebol, tênis de mesa, voleibol e xadrez, além de atletismo, bocha paralímpica e tênis de mesa para alunos com deficiência.

As demais finais entre os classificados do Cergs e dos Jergs serão em outubro.

Texto: Lisiane Volkweis/Ascom Sel
Edição: Marcelo Flach/Secom

  11 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

11 Acessos

Confira o que será destaque no Dia Estadual do Patrimônio Cultural pelo RS

No próximo final de semana (17/8 e 18/8), o Estado vai celebrar, pela primeira vez, o Dia Estadual do Patrimônio Cultural – uma proposta da Secretaria da Cultura (Sedac). Em alusão à data, a Sedac propôs aos municípios, instituições e coletivos governamentais e não governamentais, que desenvolvessem atividades culturais. Mais de 60 municípios já aderiram. Um mapa interativo informa detalhes da programação em todo o Estado.

A data foi criada por meio do Decreto nº 54.608, de 25 de abril deste ano, e institui o Dia Estadual do Patrimônio Cultural e sua celebração no terceiro final de semana de agosto. Em âmbito nacional, o Dia do Patrimônio Cultural é comemorado em 17 de agosto – nascimento de Rodrigo Melo Franco de Andrade, fundador do IPHAN e diretor da instituição por 30 anos.

A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, pretende que esta seja a sua marca de gestão à frente da Sedac. “Certa vez me perguntaram que marca eu gostaria de deixar na cultura do Estado. Eu respondi que o Dia do Patrimônio. Nossa ideia é abrir o Palácio Piratini para as pessoas; permitir que elas possam se reconhecer em espaços do nosso patrimônio cultural”.

Nesta quarta (14/8), irá ocorrer a entrega de kits de livros, às 15h, na Biblioteca Pública do Estado (BPE) para bibliotecas públicas municipais e comunitárias cadastradas. As publicações são resultado de doações de autores e contrapartida de obras publicadas com financiamento da Lei de Incentivo à Cultura (LIC-RS) e da Lei Rouanet.

Alguns destaques da programação 

NA CAPITAL: 

Palácio Piratini (sábado, 17)

– 10h15: a secretária Beatriz Araujo assina a portaria de tombamento da matriz do antigo Banco Pelotense (localizada no centro de Pelotas) e de outras três filiais do banco, situadas em Cachoeira do Sul, Rio Grande e Santana do Livramento.
– 10h20: o governador Eduardo Leite assina o Decreto de Regulamentação do Registro de Bens Culturais Imateriais do Estado. À tarde tem visita guiada no Palácio.

Instituto Estadual do Livro (sábado, 17, às 13h30, na rua André Puente, 318)
–  cortejo festivo, com parte do acervo de documentos, em homenagem ao autor gaúcho Oliveira Silveira.

Biblioteca Pública (sábado, às 16h30, na rua Riachuelo, 1190) 
– lançamento do livro “Hospital Psiquiátrico São Pedro: livro de visitantes”.

Espaço IPHAE Patrimônio RS (sábado, às 15h, rua General Canabarro, 363) 
– roda de conversa sobre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado, em sua sala localizada no Solar do IAB/RS, sede do Instituto de Arquitetos do Brasil que está, também, exibindo quatro exposições de arte-pintura, escultura, foto e instalações.

Museu de Arte Contemporânea (sábado, às 20h, rua dos Andradas, 736 – 6º andar Casa de Cultura Mario Quintana)
– inauguração da exposição “Um lugar para Criar”, com 25 trabalhos de alunos do arquivo do Centro de Desenvolvimento da Expressão (CDE); proposta artística “Ocupações”, que consiste em uma série de quatro intervenções escultóricas.

Theatro São Pedro (sábado, 13h30, 15h e 16h30; domingo, 10h, 11h30 e 14h, na Praça Marechal Deodoro – s/nº) 
– visita guiada para o público conferir os detalhes arquitetônicos e históricos do prédio inscrito como Patrimônio Histórico Cultural Estadual (Iphae) e Nacional (Iphan).

NO INTERIOR:

Museu do Carvão (sábado, 10h, na Profª Silvana Narvaez, 61, Arroio dos Ratos) 
– caminhada cultural, Museu de Portas Abertas (visita guiada)
– Festival de Teatro da Região Carbonífera, considerado o maior festival de artes cênica da região 

Museu Histórico Farroupilha (sábado, na rua Coronel Pedroso, 77, Piratini)
– 10h: palestras e oficinas com os quilombolas – “As vivências e ensinamentos das Benzedeiras e Parteiras’’
– 14h: apresentações de bandas marciais, DTG Ruy Ramos e demais grupos de danças tradicionalistas.

Texto: Rafael Varela/Ascom Sedac
Edição: Secom

  8 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

8 Acessos

Ação Jovem oferecerá mais de 1,4 mil vagas de emprego em 27 Agências FGTAS/Sine nesta quarta-feira (14)

A Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS) realizará nova edição da Ação Jovem, nesta quarta-feira (14/8), em 27 Agências FGTAS/Sine. O evento envolve atendimento preferencial para jovens, com idades entre 14 e 29 anos, nas áreas de intermediação de mão de obra e de encaminhamento de carteira de trabalho, além de atividades de orientação profissional.

A Ação Jovem é um evento organizado pela FGTAS com o objetivo de promover a inserção de jovens no mundo do trabalho. Na data, serão oferecidas 1.404 vagas de emprego de ampla concorrência nas 27 Agências FGTAS/Sine participantes. Trabalhadores de todas as idades poderão se candidatar às vagas de trabalho, no entanto, será oferecido atendimento preferencial aos jovens entre 14 e 29 anos.

Agências FGTAS/Sine
participantes

Em Porto Alegre, o evento será em todas as Agências FGTAS/Sine: Centro, Azenha, Zona Norte e Tudo Fácil Centro e Zona Sul.

No interior, o evento ocorrerá nas Agências FGTAS/Sine de Alegrete, Alvorada, Bagé, Cachoeirinha, Canoas, Capão da Canoa, Camaquã, Caxias do Sul, Esteio, Gravataí, Guaíba, Novo Hamburgo, Osório, Passo Fundo, Pelotas, Rio Grande, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santana do Livramento, São Leopoldo, Sapucaia do Sul e Tramandaí.

Confira alguns exemplos de vagas de emprego abertas e a programação das Agências FGTAS/Sine participantes no site da FGTAS.

Ação Jovem

O evento será realizado durante a Semana Estadual da Juventude. Instituída pela Lei Estadual nº 14.723, de 21 de agosto de 2015, a Semana tem por objetivo contribuir com o debate sobre políticas públicas, envolver as organizações e os movimentos, estimular a participação dos jovens nos espaços de decisão política e fortalecer a cultura de paz.

Perfil dos jovens atendidos
nas Agências FGTAS/Sine

No primeiro semestre de 2019, foram encaminhados 54.325 jovens, de 18 a 29 anos, para vagas de trabalho nas Agências FGTAS/Sine.

As ocupações com os maiores números de encaminhamentos de jovens foram alimentador de linha de produção (1.174), vendedor de comércio varejista (286), auxiliar de escritório em geral (204), operador de caixa (185) e trabalhador no cultivo de árvores frutíferas (179).

FGTAS

Vinculada à Secretaria de Trabalho e Assistência Social (Stas), a FGTAS é a instituição executora das políticas públicas de trabalho, emprego e desenvolvimento social do RS. Desenvolve as ações do Sistema Nacional de Emprego, operacionalizado nas Agências FGTAS/Sine, que englobam os serviços de seguro-desemprego, geração e análise de informações sobre mercado de trabalho, projetos de emprego e renda e qualificação profissional.

Texto: Jaíne Martins/Ascom FGTAS
Edição: Marcelo Flach/Secom

  11 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

11 Acessos

Recepção e inspeção dos animais da 42ª Expointer começam na segunda, dia 19

A recepção e a inspeção dos animais participantes da 42ª Expointer será iniciada na próxima segunda-feira (19/8), às 6h, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio. Este ano, a abertura dos trabalhos será celebrada com uma rodada de café de cambona, ou café campeiro, oferecido pela prefeitura de São Nicolau. O governador Eduardo Leite e o secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), Covatti Filho, participarão da recepção, no portão 8.

Após a abertura, os animais de argola (de exposição) poderão entrar no parque até 23h59min da sexta-feira (23/8). Os animais de provas e os rústicos podem ingressar durante todo o período da feira, desde que tenham sido previamente inscritos.

Todos os animais que participam da Expointer são inspecionados pelo serviço veterinário oficial. Ao todo, mais de 100 profissionais, entre veterinários e quadro técnico, estarão envolvidos na atividade. “Nosso objetivo é zelar pela boa sanidade de absolutamente todos os animais que participam da Expointer”, ressalta o secretário Covatti Filho.

Para a inspeção, além da Guia de Trânsito Animal (GTA), os proprietários devem apresentar uma série de documentos sanitários referentes a cada espécie. Os animais só podem entrar no parque após a verificação dos itens exigidos e da inspeção clínica.

A 42ª edição da Expointer contará com 3.975 animais de argola. Para o subsecretário do Parque de Exposições Assis Brasil, José Arthur Martins, a entrada de novas raças de animais em competição, como o bovino de corte Senepol, e a volta de algumas raças, como o bovino Canchim e o cavalo Gipsy Horse, mostram que os produtores estão otimistas. “A expectativa é positiva porque houve aumento no número de animais de maior interesse econômico”.

Além dos julgamentos e leilões de animais, a Expointer terá em sua programação o desfile dos campeões, palestras técnicas, feira da agricultura familiar e espetáculos artísticos, entre outras atrações. A Expointer ocorre de 24 de agosto a 1º de setembro, no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio.

Texto: Ascom Seapdr
Edição: Secom

  11 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

11 Acessos

Governador Leite abre encontro de líderes da gestão 2019 do Banrisul

O governador Eduardo Leite participou, na tarde desta terça-feira (13/8), do encontro de líderes da gestão 2019 do Banrisul. O evento ocorreu na Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (Fiergs), em Porto Alegre, e teve como objetivo definir as metas de gestão desta diretoria.

O governador ressaltou a relevância do banco para o desenvolvimento econômico, uma vez que a atuação da instituição se faz sentir nas principais operações e nos grandes setores do Estado.

"O Banrisul tem um importante papel em prol do desenvolvimento, visto que pode se posicionar como um potencial patrocinador e financiador de grandes empreendimentos. O banco é forte, bem estruturado, e pode servir de alavanca para a tomada do crescimento gaúcho", disse Leite.

O governador resumiu, ainda, as ações que estão sendo tomadas, desde o início da gestão, em busca do ajuste fiscal, como o processo de venda das estatais (CEEE, CRM e Sulgás), e a elaboração de reformas nas carreiras dos servidores públicos e no sistema previdênciário, que devem ser apresentadas nos próximos meses.

Além do governador e do presidente do Banrisul, Claudio Coutinho, também estiveram presentes o presidente do conselho de administração do Banrisul, Ademar Shardong, o vice-presidente do Banrisul, Irany de Oliveira Sant’Anna Júnior, e os diretores Claíse Müller Rauber, Raquel Santos Carneiro e Suzana Flores Cogo, Fernando Postal, Jorge Fernando Krug Santos, Marcus Vinícius Feijó Staffen e Osvaldo Lobo Pires.

Resultado do primeiro semestre

O Banrisul alcançou, no primeiro semestre de 2019, lucro líquido de R$ 655,3 milhões, evolução de 29,5% em relação ao mesmo período de 2018. O lucro líquido recorrente, ajustado pelos eventos extraordinários, totalizou R$ 625,6 milhões no primeiro semestre de 2019, crescimento de 23,7% frente ao registrado no mesmo período de 2018, com retorno recorrente anualizado de 17,6% sobre o patrimônio líquido médio.

De acordo com o presidente do Banrisul, Claudio Coutinho, o resultado da instituição é excelente, até mesmo superior aos pares do mercado de varejo. “O banco conteve as suas despesas administrativas, reduziu a inadimplência e manteve uma carteira de crédito sólida, garantida e diversificada”, explicou.

Texto: Suzy Scarton
Edição: Marcelo Flach/Secom

  10 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

10 Acessos

Secretaria do Esporte organiza palestra para gestores esportivos em Santa Maria

Secretaria do Esporte organiza palestra para gestores esportivos em Santa Maria - Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Início do conteúdo
Inicial Imprensa Últimas Notícias Secretaria do Esporte organiza

Informar gestores esportivos sobre legislação para o segmento desportivo é o tema do Encontro de Capacitação de Lei de Incentivo ao Esporte - Pró-Esporte para Gestores Desportivos da Região Central, em Santa Maria.

Promovido pela Secretaria do Esporte e Lazer (Sel), o evento será na quinta-feira (15/8), na Faculdade Metodista Centenário (Fames), na rua Dr. Turi, 2.003, Santa Maria.

O evento é direcionado aos gestores públicos esportivos de prefeituras, federações esportivas, clubes e associações da região. O encontro começa às 13h30min.

Depois da abertura feita pelo secretário João Derly, a programação segue com uma apresentação do secretário adjunto Jaderson Maretoli.

Na sequência, o assessor técnico do Departamento de Fomento da SEL, Saul Picoli, falará sobre o Programa Pró-Esporte RS e como deve ser feito o cadastro de proponentes e projetos. Interessados em participar do encontro precisam se inscrever no site do Pró-Esporte RS.

Texto: Ascom Sel
Edição: Secom

Palácio Piratini

Praça Marechal Deodoro, s/n
Porto Alegre - RS -

mapa


Centro Histórico
Fone: (51) 3210.4100

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

  17 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

17 Acessos

Prevenção ao suicídio é tema do Setembro Amarelo, com eventos que já começam neste mês

Uma série de atividades que se iniciam neste agosto e vão até início de outubro marca a programação do Setembro Amarelo, mês de conscientização sobre a prevenção ao suicídio. O Rio Grande do Sul apresenta a maior taxa de suicídio do país, tendo registrado em 2017 mais de 1,3 mil mortes autoprovocadas.

A promoção dos eventos é do Comitê Estadual de Promoção da Vida e Prevenção do Suicídio, que conta com a participação de várias áreas da Secretaria da Saúde (SES) e secretarias estaduais (Educação, Segurança Pública, Administração Penitenciária e Justiça, Cidadania e Direitos Humanos). Entidades não governamentais (como o Centro de Valorização da Vida e a Cruz Vermelha) também participam.

Card CVV Quatro eventos na capital vão abordar o tema suicídio - Foto: Reprodução / Arte CVV

Em agosto, serão duas atividades em Porto Alegre. Nesta quarta-feira (14/8), no auditório da Associação Médica do RS (Amrigs), o seminário “Exposição ocupacional e saúde mental” abordará o risco da exposição aos agrotóxicos e a relação com o suicídio. Dia 27/8, a temática é a autolesão e o comportamento suicida na infância e adolescência. O encontro será no teatro do Prédio 40 da PUCRS, na capital.

Em setembro, dia 10, ocorre a quinta edição do Seminário Intersetorial de Promoção da Vida e Prevenção do Suicídio, no anfiteatro Jorge Escobar Pereira Lima (Prédio 1 da UFCSPA). E, dia 1º de outubro, no auditório do Ministério Público do RS, será realizado o Seminário Internacional de Prevenção do Suicídio na Segurança Pública.

QUATRO EVENTOS

14 de agosto, quarta-feira
Seminário exposição ocupacional e saúde mental
Local: auditório Amrigs (av. Ipiranga, 5.311 – Porto Alegre)
Abertura: 8h30
Clique aqui e acesse a programação
Inscrições encerradas

27 de agosto, terça-feira
Seminário autolesão e comportamento suicida na infância e adolescência: prevenção e pósvenção
Local: Teatro do Prédio 40 da PUCRS (av. Ipiranga, 6.681 - Porto Alegre)
Abertura: 8h30
Clique aqui e acesse a programação
Inscrições encerradas

10 de setembro
5º Seminário intersetorial de promoção da vida e prevenção do suicídio
Local: anfiteatro Jorge Escobar Pereira Lima (Prédio 1 da UFCSPA - rua Sarmento Leite, 245 - Porto Alegre)
Abertura: 9h
Clique aqui e acesse a programação
Clique aqui para inscrições

1º de outubro
Seminário internacional de orevenção do suicídio na segurança pública
Local: auditório do Ministério Público do RS (av. Aureliano de Figueiredo Pinto, 80 - Porto Alegre)
Abertura: 9h (programação em fase de finalização)

Texto: Ascom SES
Edição: Secom

  42 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

42 Acessos

Região Sul debate em Chapecó o desenvolvimento das culturas de milho e sorgo

A produção de silagem e grãos em sistema conservacionista é o foco da 1ª Misosul – Reunião Técnica Sul-Brasileira de Pesquisa de Milho e Sorgo, que ocorre de segunda a quarta-feira (12 a 14/8) na Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó) em Chapecó/SC.

O evento busca integrar as Reuniões Técnicas dos três Estados do Sul do Brasil, enriquecendo a discussão sobre a agricultura conservacionista aplicada aos sistemas de produção de milho e sorgo e promovendo o intercâmbio de conhecimento entre profissionais, pesquisadores, professores, acadêmicos e agricultores para discutir perspectivas, tecnologias e novas possibilidades para o desenvolvimento das culturas. 

O diretor-técnico da Emater/RS, Alencar Rugeri, abordou, no primeiro dia de reunião, a situação das culturas de milho e sorgo no RS, destacando o clima favorável, a capitalização do produtor, o preço do produto em alta no plantio, máquinas, insumos e sementes mais eficientes e o agricultor mais capacitado. “Temos todos os fatores favoráveis para uma boa safra, principalmente porque o setor está preparado. No milho, por exemplo, temos uma área irrigada de mais 70 mil hectares, o plantio foi antecipado dentro do zoneamento, possibilitando duas safras ao ano em algumas regiões do Estado”, explicou o diretor durante a abertura do evento.

Nesse sentido, Rugeri apresentou algumas ações da Emater/RS-Ascar para ambas as culturas com base nos pilares solos, irrigação e armazenagem. Entre as ações destacadas estão o planejamento e a gestão; a profissionalização; a transferência de tecnologias geradas pela pesquisa; práticas sustentáveis de adubação verde, plantio em nível e conservação de solos; uso racional dos insumos; capacitação de técnicos e produtores; minimização de perdas na colheita e a secagem e armazenagem de milho na propriedade.

A programação da 1ª Misosul inclui painéis, palestras, sessões de pôsteres e uma plenária de discussão de novas propostas de pesquisa. A promoção é da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri-SC), e a organização conta com a Emater/RS-Ascar, Embrapa, Instituto Federal do Rio Grande do Sul – Campus Sertão (IFRS), Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Sul (DDPA-RS), Universidade Federal Tecnológica do Paraná – Campus Pato Branco (UFTP), Universidade Federal da Fronteira Sul, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoeste). 

A Emater/RS-Ascar é uma conveniada da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr). 

Texto: Alciane Baccin/Ascom Emater/RS-Ascar
Edição: Patrícia Specht/Secom

  11 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

11 Acessos

Governança apresenta DescomplicaRS em seminário

Governança apresenta DescomplicaRS em seminário - Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Início do conteúdo
Inicial Imprensa Últimas Notícias Governança apresenta descomplicaRS seminário Evento contou com a participação de representantes de secretarias do Estado e entidades parceiras do projeto - Foto: Priscila Ely / Divulgação SGGE

A secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE) apresentou o projeto DescomplicaRS em seminário realizado na manhã desta terça-feira (13/8) no Ministério Público do RS. O evento contou com a participação de representantes de secretarias do Estado e entidades parceiras do projeto.

Segundo a secretária adjunta da SGGE, Izabel Matte, o objetivo do DescomplicaRS é facilitar a vida de quem pretende empreender, gerar emprego e desenvolvimento, além de apresentar serviços mais ágeis à população. "O projeto é considerado prioritário pelo governo. Por isso, contamos com o engajamento e a integração de todos os envolvidos, tanto do poder público como da sociedade civil. Temos clareza no propósito e a confiança do governador Eduardo Leite em realizar as entregas necessárias para desburocratizar os serviços públicos", afirmou Izabel.

A programação seguiu com a descrição das primeiras entregas realizadas, como o lançamento do portal DescomplicaRS, o revogaço de 300 decretos desatualizados, analisados entre 1989 e 2018 pela Casa Civil, e a ampliação da adesão de municípios à RedeSimples do Sebrae, que facilita a abertura de novas empresas. O evento também detalhou os próximos passos do projeto, como a segunda onda de revogações e a busca de 100% de cidades gaúchas na RedeSimples.

Texto: Lucas Barroso/Ascom SGGE
Edição: Patrícia Specht/Secom 

Palácio Piratini

Praça Marechal Deodoro, s/n
Porto Alegre - RS -

mapa


Centro Histórico
Fone: (51) 3210.4100

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

  26 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

26 Acessos

Governança apresenta próximas ações do DescomplicaRS em seminário

Governança apresenta próximas ações do DescomplicaRS em seminário - Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Início do conteúdo
Inicial Imprensa Últimas Notícias Governança apresenta descomplicaRS seminário Evento contou com a participação de representantes de secretarias do Estado e entidades parceiras do projeto - Foto: Priscila Ely / Divulgação SGGE

A Secretaria de Governança e Gestão Estratégica (SGGE) apresentou o projeto DescomplicaRS em seminário realizado na manhã desta terça-feira (13/8) no Ministério Público do RS. O evento contou com a participação de representantes de secretarias do Estado e entidades parceiras do projeto.

Segundo a secretária adjunta da SGGE, Izabel Matte, o objetivo do DescomplicaRS é facilitar a vida de quem pretende empreender, gerar emprego e desenvolvimento, além de apresentar serviços mais ágeis à população. "O projeto é considerado prioritário pelo governo. Por isso, contamos com o engajamento e a integração de todos os envolvidos, tanto do poder público como da sociedade. Temos clareza no propósito e a confiança do governador Eduardo Leite em realizar as entregas necessárias para desburocratizar os serviços públicos", afirmou Izabel.

A programação seguiu com a descrição das primeiras entregas realizadas, como o lançamento do portal DescomplicaRS, o revogaço de 300 decretos desatualizados, analisados entre 1989 e 2018 pela Casa Civil, e a ampliação da adesão de municípios à RedeSimples do Sebrae, que facilita a abertura de novas empresas. O evento também detalhou os próximos passos do projeto, como a segunda onda de revogações e a busca de 100% de cidades gaúchas na RedeSimples.

Texto: Lucas Barroso/Ascom SGGE
Edição: Patrícia Specht/Secom 

Palácio Piratini

Praça Marechal Deodoro, s/n
Porto Alegre - RS -

mapa


Centro Histórico
Fone: (51) 3210.4100

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

  24 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

24 Acessos

Banrisul registra lucro líquido de R$ 655,3 milhões no 1º semestre de 2019

O Banrisul alcançou, no primeiro semestre de 2019, lucro líquido de R$ 655,3 milhões, evolução de 29,5% em relação ao mesmo período de 2018. O lucro líquido recorrente, ajustado pelos eventos extraordinários, totalizou R$ 625,6 milhões no primeiro semestre de 2019, crescimento de 23,7% frente ao registrado no mesmo período de 2018, com retorno recorrente anualizado de 17,6% sobre o patrimônio líquido médio.

De acordo com o presidente do Banrisul, Cláudio Coutinho, o resultado da instituição é excelente, até mesmo superior aos seus pares do mercado de varejo. “O banco conteve as suas despesas administrativas, reduziu a inadimplência e manteve uma carteira de crédito sólida, garantida e diversificada”, explicou.

O executivo destacou que a Banrisul Cartões, empresa do Grupo Banrisul, continua tendo uma presença muito importante no Rio Grande do Sul, com um expressivo market share. “Temos convicção que vamos, no futuro, continuar entregando resultados satisfatórios na área de cartões”, ressaltou.

Já na área de seguros, Coutinho disse que o Banrisul tem apresentado crescimento. “Acredito que temos ainda muito espaço para continuar o incremento da área de seguros”, assinalou.

O desempenho no primeiro semestre de 2019 reflete a estabilidade do resultado bruto da intermediação financeira e o aumento das receitas de tarifas bancárias e prestação de serviços.

O patrimônio líquido atingiu R$ 7,5 bilhões em junho de 2019, 6,9% ou R$ 487,5 milhões acima da posição de junho de 2018. Os ativos totais apresentaram saldo de R$ 79,4 bilhões em junho de 2019, com ampliação de 5,5% em relação a junho de 2018, proveniente do aumento nos depósitos e nos recursos em letras.Em junho de 2019, o total de recursos captados e administrados foi de R$ 69,4 bilhões, com expansão de 10,2% em 12 meses.

CRÉDITO

A carteira de crédito do Banrisul registrou saldo de R$ 34,2 bilhões em junho de 2019, crescimento de 7,0% ou R$ 2,2 bilhões nos 12 meses. O resultado é em decorrência, especialmente, da carteira comercial, que registrou saldo de R$ 25,6 bilhões, aumento de R$ 2,7 bilhões ou 11,8% em um ano.

O saldo da carteira de crédito rural atingiu R$ 2,3 bilhões em junho de 2019. No primeiro semestre do ano, foram contratadas 6.219 operações, com volume total de R$ 780,4 milhões. No último ano agrícola encerrado em 30 de junho de 2019, o Banrisul aplicou R$ 1,7 bilhão em financiamentos para o agronegócio gaúcho.

VERO

A rede de adquirência Vero registrou, no primeiro semestre de 2019, 161,3 milhões de transações de débito e crédito. Em volume financeiro, o valor transacionado totalizou R$ 14,2 bilhões, refletindo crescimento de 13,8% quando comparado ao primeiro semestre de 2018.

A Vero encerrou o mês de junho de 2019 com 96,3 mil unidades de equipamentos POS instalados e aptos a transacionar e 141,8 mil estabelecimentos credenciados ativos em 12 meses, 5,0% superior ao apurado no final de junho de 2018.

CARTÕES DE CRÉDITO

O Banrisul ingressou, em maio de 2019, no segmento de cartões de crédito sem anuidade com o lançamento do cartão Mastercard Libre que garante a isenção da anuidade mediante gasto mínimo mensal. Outra novidade nesse segmento é que, desde junho desse ano, todos os cartões de crédito emitidos pelo Banrisul passaram a contar com a tecnologia contactless, que permite o pagamento por aproximação, o que torna a transação mais prática e ágil.

A instituição finalizou os primeiros seis meses de 2019 com uma base de 1,1 milhão de cartões de crédito, nas bandeiras Mastercard e Visa, 19,4% acima do registrado no mesmo período de 2018. Durante o primeiro semestre de 2019, foram realizadas 37,5 milhões de transações, o que possibilitou a movimentação financeira de R$ 3,1 bilhões. Estes números representam crescimento de 26,0% e 25,8%, respectivamente, em relação ao mesmo período do ano anterior.

SEGURIDADE

O primeiro semestre de 2019 foi marcado pelo lançamento do módulo de seguridade nos canais Mobile Banking e Internet Banking que permite aos clientes acesso direto às informações dos produtos de seguros, previdência e capitalização.

A arrecadação de prêmio de seguros, contribuições de previdência e títulos de capitalização, ao final do primeiro semestre de 2019, atingiu R$ 708,5 milhões, crescimento de 24,1% frente ao primeiro semestre de 2018. As operações ativas de seguridade alcançaram 2,4 milhões de contratos em junho de 2019, com incremento de 6,4% em relação a junho de 2018. As receitas totais alcançaram R$ 152,1 milhões no primeiro semestre de 2019, com evolução de 15,2% em comparação ao mesmo período de 2018.

CANAIS DIGITAIS

Os canais digitais do Banrisul que, alinhados às tendências do mercado, buscam oferecer a melhor experiência ao cliente, representam 53,7% do total de operações realizadas pela instituição nos seis primeiros meses de 2019.

No primeiro semestre de 2019, os canais de Internet Banking (Home e Office Banking) e Mobile Banking (Minha Conta, Afinidade e Office acessados por meio do aplicativo Banrisul Digital) tiveram 123,9 milhões de acessos, 34,4% superior ao mesmo período de 2018, o que equivale a uma média de 688,8 mil acessos diários.

O total de operações realizadas nesses canais apresentou incremento de 24,5% em relação ao primeiro semestre de 2018. Dentre essas, a quantidade de transações financeiras cresceu 26,9% e o volume transacionado aumentou 5,1%, se comparados ao mesmo período de 2018.

MODERNIZAÇÃO TECNOLÓGICA

O processo de modernização tecnológica no Banrisul inclui a transformação digital, ampliação da infraestrutura de TI e o compromisso cada vez maior com a segurança da informação. O banco não poupa esforços na identificação de melhorias e inovações por meio de investimentos em desenvolvimento de sistemas, contratação de serviços e manutenção de bens.

No primeiro semestre de 2019, o Banrisul investiu R$ 139,3 milhões em modernização tecnológica.

Texto: Ascom Banrisul
Edição: Patrícia Specht/Secom

  7 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

7 Acessos

Ospa abre as portas do Palacinho no Dia Estadual do Patrimônio Cultural

A Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) aderiu ao Dia Estadual do Patrimônio Cultural e irá sediar uma série de atividades gratuitas em um dos espaços mais nobres da capital. No próximo domingo (18/8), a partir das 10h, o Palacinho – atual espaço da Escola de Música da Ospa – abre as portas do local construído sob pretextos históricos que remetem à Segunda Guerra Mundial.

A programação tem início com uma palestra do atual diretor artístico e maestro da Ospa, Evandro Matté, que irá abordar a importância da orquestra como patrimônio cultural do Rio Grande do Sul. Na sequência, a Camerata da Ospa Jovem – estudantes do Conservatório Pablo Komlós – realiza um recital especial com apresentação dos instrumentos.

Ainda no cronograma, será realizada uma exposição de parte do acervo da Fundação Ospa, seguida de uma visita guiada pelo prédio em estilo neoclássico encomendado para abrigar o Conde Galeazzo Ciano, genro do ditador italiano Benito Mussolini, que na época viajava pela América Latina e marcou uma passagem pela capital do Estado, o que acabou não acontecendo. Posteriormente, o local foi desapropriado e tornou-se residência de diversos vice-governadores do Estado.

O Dia Estadual do Patrimônio Cultural, criado em 2019 pela Secretaria da Cultura (Sedac), ocorre no terceiro fim de semana de agosto. As atividades serão realizadas nos dias 17 e 18 e têm como objetivo divulgar e promover o patrimônio do Estado, aproximando a comunidade do debate sobre preservação e valorização da identidade cultural. Dezenas de prédios históricos em todo o RS abrirão as portas para a comunidade, realizando visitas guiadas, exposições, palestras, bate-papos e apresentações musicais.

Confira a programação completa neste link ou pelo telefone (51) 3222-7387.

Dia Estadual do Patrimônio Cultural | Ospa
Quando: 18 de agosto, domingo, a partir das 11h
Onde: Palacinho – Escola de Música da Ospa (av. Cristóvão Colombo, 300 – bairro Floresta, na capital)
Entrada franca

Cronograma

10h – início da exposição de parte do acervo da Fundação Ospa
11h – palestra Orquestra Ospa Patrimônio Cultural do RS
11h30 – recital Camerata da Ospa Jovem e apresentação de instrumentos
12h15 – visita guiada pelo prédio
17h – encerramento da exposição

Texto: Carolina Chaves/Ascom Ospa
Edição: Patrícia Specht/Secom

  9 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

9 Acessos

Governo paga salário de julho de servidores que recebem até R$ 2.500

Governo paga salário de julho de servidores que recebem até R$ 2.500 - Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Início do conteúdo
Inicial Imprensa Últimas Notícias Governo paga salário de julho Calendario Folha card -

Servidores com rendimento líquido de até R$ 2.500 terão seus salários de julho quitados pelo governo do Estado nesta terça-feira (13/8).

Com esse valor, serão atendidas 183.411 matrículas, o que corresponde a 53,8% do funcionalismo vinculado ao Poder Executivo.

Quem recebe acima de R$ 2.500 líquidos terá o salário pago no sistema de parcelas. O primeiro depósito será feito pelo Tesouro do Estado no dia 21 de agosto, no valor de R$ 1.500.

Folha julho 2019 -

Texto: Ascom Fazenda
Edição: Secom

Palácio Piratini

Praça Marechal Deodoro, s/n
Porto Alegre - RS -

mapa


Centro Histórico
Fone: (51) 3210.4100

Portal do Estado do Rio Grande do Sul

  11 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

11 Acessos

Leite apresenta potencialidades de negócios no RS na Câmara Espanhola em SP

A convite da Câmara Oficial Espanhola de Comércio no Brasil, o governador Eduardo Leite esteve na sede da associação empresarial, em São Paulo, na tarde desta segunda-feira (12/8), para apresentar as potencialidades e oportunidades de investimentos no Rio Grande do Sul. Os secretários da Fazenda, Marco Aurelio Cardoso, e de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, acompanharam o governador.

Aos empresários, Leite apresentou o Estado, em um vídeo de pouco mais de cinco minutos, como “uma porta de entrada para a América do Sul”, pois está próximo de grandes centros do Mercosul, com integração por meio de rodovias, hidrovias, ferrovias e voos internacionais, além da diversidade cultural, que facilita a proximidade com estrangeiros, principalmente da Europa.

Depois de citar números e setores em que o RS se destaca, o governador apontou as ações que estão sendo tomadas a fim de tornar o Estado mais atrativo a investidores, focadas na redução dos custos tributários, de logística e burocráticos. “Somos um Estado que, agora, se abre para o mundo, se abre a investimentos a partir de um conjunto de políticas validado pelos voto da população”, afirmou Leite.

Entre as oportunidades de investimento lideradas pelo governo, destacou as privatizações que estão sendo encaminhadas, as vendas de ações e as parcerias público-privadas (PPPs) e concessões que fazem parte de um grande programa lançado no final de março, o RS Parcerias. Os principais setores envolvidos são geração e transmissão de energia, distribuição de energia, distribuição de gás, mineração de carvão, estradas, portos e canais, água e saneamento e bancário.

“Posso garantir que não são apenas ideias. É uma agenda que estamos determinados em fazer e que vai sair do papel. O roll de privatizações e concessões está sendo realizado para propor o desenvolvimento e o reequilíbrio fiscal do RS”, garantiu Leite, deixando à disposição dos convidados um material impresso com dados e projetos. Após a palestra, o governador ainda respondeu a perguntas do público e concedeu entrevista à agência de notícias internacional EFE.

Negócios bilaterais

Marcos Madureira, presidente da Câmara Espanhola e Eurocâmaras, agradeceu ao governador gaúcho pela presença e apresentação. Nas últimas duas décadas, a Espanha esteve entre os três maiores investidores no Brasil, com destaque para os setores de informação e comunicação, indústrias de transformação, atividades financeiras e de seguros, indústrias extrativas, eletricidade e gás, construção, entre outros.

Com a onda de investimentos expressivos de importantes empresas espanholas que se instalaram no país nos anos 1990, a Câmara Espanhola cresceu e se fortaleceu como uma referência nas relações bilaterais hispano-brasileiras. Com associados dos mais diversos setores, porte e nacionalidades interessados em promover o intercâmbio comercial entre os dois países, a organização promove palestras a fim de aproximar governos, empresas e investidores dos dois países.

Além disso, desde junho deste ano, a Câmara Espanhola foi anunciada como a nova responsável pela presidência da Eurocâmaras. A organização foi fundada em 1999 pelas principais Câmaras de Comércio Europeias do Brasil, criando o órgão oficial mais representativo para as empresas europeias aqui instaladas, com destaque para as indústrias, que somam mais de 5 mil. Uma das temáticas a serem tratadas pela organização será o recente acordo de livre-comércio entre Mercosul e União Europeia, fundamental para o crescimento das exportações e intercâmbio empresarial.

Texto: Vanessa Kannenberg
Edição: Marcelo Flach/Secom

  14 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

14 Acessos

2ª DPPA da capital será reformada para qualificar atendimento ao cidadão

Com objetivo de oferecer um atendimento mais qualificado aos cidadãos, a 2ª Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (2ª DPPA) da capital, no Palácio da Polícia, passará por reforma a partir desta segunda-feira (12/8). A previsão é de que o trabalho seja concluído em cerca de dois meses. Nesse período, a unidade estará fechada e os registros de flagrantes devem ser realizados na 3ª DPPA, na rua Comendador Tavares, 381, no bairro Navegantes.

Para garantir o pleno atendimento, a 3ª DPPA recebeu reforço tanto em estrutura quanto em número de servidores, de forma a manter no mesmo local os dois plantões funcionando. Com isso, não haverá prejuízo ao trabalho da Polícia Civil.

Os cidadãos que necessitarem registrar ocorrências podem buscar a 1ª DP (rua Riachuelo, 613), a 2ª DP (avenida Getúlio Vargas, 1.250), a 10ª DP (rua Jacinto Gomes, 43) e a 17ª DP (avenida Voluntários da Pátria, 1.500). Além disso, a maior parte dos registros pode ser realizada por meio da Delegacia Online, com acesso 24 horas via computador, tablet ou smartphone com conexão de internet.

A principal melhoria que será proporcionada pela reforma na 2ª DPPA é a separação de locais para o registro dos autos de prisão em flagrante e para o atendimento ao público em geral. Será construída uma sala específica para condução dos detidos pela Polícia Civil, pela Brigada Militar e pela Guarda Municipal. Em outro espaço, haverá uma recepção com cadeiras e televisões, onde os cidadãos que buscam a 2ª DPPA para registrar ocorrências terão maior conforto enquanto aguardam atendimento.

O custo da reforma, que será executada por empresas terceirizadas, está sendo coberto pelo Poder Judiciário, por meio da Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas de Porto Alegre, presidida pelo juiz Luciano Losekann.

Texto: Carlos Ismael Moreira/Ascom SSP
Edição: Secom

  7 Acessos

Copyright

© Governo do Rio Grande do Sul - Notícias do Piratini

7 Acessos